• Nayara Reynaud

Emmy 2020 | Veja a lista completa de vencedores e indicados ao grande prêmio da TV e streaming

Atualizado: 3 de Dez de 2020


Arte principal do 72º Emmy Awards

Se o ano de 2020 tem sido um turbilhão que o mundo do entretenimento tenta se adaptar, não é diferente com o 72º Emmy Awards, a tradicional premiação televisiva que, por conta da situação atual da pandemia de Covid-19, precisou se adaptar aos novos tempos, desde o anúncio dos indicados, passando pelos prêmios técnicos divididos em transmissões ao longo da semana, até a grande noite deste domingo, 20 de setembro. A cerimônia principal teve uma das marcas deste período: a “estética Zoom” da tela dividida das videoconferências desta quarentena para mostra os profissionais indicados diretamente de suas casas e afins. A transmissão da ABC – o evento foi exibido ao vivo pela TNT aqui no Brasil – começou com o discurso do apresentador Jimmy Kimmel intercalada por imagens da plateia de edições anteriores, mas a arquibancada do Los Angeles Staples Center estava vazia e somente alguns astros apareceram no lugar para anunciar os prêmios e entregar alguns bons momentos como Jennifer Aniston, mas o diferencial foi a utilização de pessoas comuns na apresentação de algumas categorias, a fim de para homenagear os profissionais essenciais neste momento.

Quanto à premiação em si, enquanto a minissérie Watchmen (2019), da HBO, se firmou como a maior campeã da temporada, acumulando 11 Emmys nesta edição – a produção já liderava a lista de indicações, com 26 –, a comédia canadense Schitt's Creek (2015-20), da Pop TV e exibida aqui no Comedy Central e Paramount+, foi o destaque da noite: a produção, que ganhou aos poucos a atenção do público e da crítica norte-americana, encerra seu ciclo em grande estilo ao abocanhar todos as seis estatuetas de Comédia do Primetime Emmy e somar nove prêmios em 2020. Logo depois, vem a Melhor Série Dramática, Succession (2018-), também da HBO, que totalizou sete vitórias, mesmo número de The Mandalorian (2019-), produção da Disney+ sobre o universo Star Wars que, mesmo passando em branco neste domingo, foi bastante lembrada nas categorias técnicas durante a semana no Creative Arts Emmy. Completam o ranking, o reality show RuPaul's Drag Race (2009-), do VH1 mas exibido pela Netflix no Brasil e o programa humorístico Saturday Night Live, da NBC, ganhando seis troféus, cada.


No saldo final, o canal por assinatura HBO saiu com 30 Emmys, apesar da Netflix ter saído na frente da disputa com o recorde de 160 indicações, durante o anúncio já virtual com Leslie Jones no estúdio, junto dos atores Josh Gad, Laverne Cox e Tatiana Maslany diretamente de suas casas. Por fim, a platafrma de streaming garantiu 21 estatuetas, sendo seguida pelas 10 da Pop TV, em um surpreendente terceiro lugar para o pequeno canal da ViacomCBS, alavancado por Schitt's Creek; e a novata do streaming Disney+ e o veterano canal aberto NBC logo atrás, ambas com oito. A noite ainda teve homenagem ao ator, diretor e produtor Tyler Perry com o Governos Awards e recorde com Zendaya, aos 24 anos, sendo a mais jovem a ganhar o Emmy de Melhor Atriz em Drama por seu papel principal em Euphoria (2019-), da HBO; em contrapartida, o roteirista Norman Lear bateu sua própria marca na última terça (17), como o mais velho vencedor de um Emmy, ao ganhar o prêmio de Melhor Especial de Variedades (Ao Vivo) por Live In Front Of A Studio Audience: "All In The Family" And "Good Times" (2019), com nada menos do que 98 anos de idade.


Aliás, o Creative Arts Emmy Awards, que se dedica ao restante das categorias técnicas da premiação foi realizado espaçadamente durante as noites de 14 a 17 de setembro, com transmissão no site Emmys.com apresentada por Nicole Byer, direto da sede da Academia e com anúncios de prêmios e discursos de agradecimentos domésticos e pré-gravados, enquanto um show televisionado pelo FXX, nos Estados Unidos, foi apresentado neste sábado, 19 de setembro. A segunda (14), dedicada aos reality shows e produções de não-ficção, teve como principal ganhador o documentário Apollo 11 (2018), com três vitórias, seguida pela série Cheer (2020), com duas. Na terça (15), em que o foco foram os programas e especiais de variedades, o talk show Last Week Tonight With John Oliver (2014-) saiu como o grande vencedor em três disputas, seguido pelo último Oscar e Live In Front Of A Studio Audience: "All In The Family" And "Good Times", ambos ganhando em duas, cada.


A quarta (16) foi marcada pelas cinco das sete estatuetas de The Mandalorian no primeiro dia das atrações roteirizadas, enquanto o highlight de quinta (17), com prêmios bem pulverizados na segunda noite, foi a série dramática de curta duração #FreeRayshawn (2020), da Quibi, plataforma de streaming de vídeos curtos que chegou a ser motivo de piada para Kimmel, com seu elenco premiado duplamente, além da entrega do prêmio para a produção brasileira A Linha (2019), de Ricardo Laganaro, na categoria de Melhor Inovação em Mídia Interativa. O curta em realidade virtual que conta com as vozes de Rodrigo Santoro (inglês) e Simone Kliass (português) narrando a história de amor entre Pedro e Rosa, dois bonecos que vivem em uma maquete da cidade de São Paulo em 1940, já foi premiado como a Melhor Experiência em VR no Festival de Veneza do ano passado e foi exibido aqui no país durante a última Mostra Internacional de Cinema em São Paulo. Já o humorístico SNL e o especial de comédia Dave Chappelle: Sticks & Stones foram os destaques da quinta noite do Creative Arts Emmy, com três vitórias, cada, em um show que fez um mix de categorias de vários gêneros neste sábado (19).


Veja abaixo a lista completa de vencedores e os indicados ao Emmy 2020 em todas as categorias, bem como seus redes e/ou plataformas de exibição:

DRAMA

MELHOR SÉRIE DRAMÁTICA

Vencedora: Succession

(HBO)

Better Caul Saul

(AMC | *BR: Netflix)

Killing Eve

(BBC America | *BR: Globoplay)

Ozark

(Netflix)

Stranger Things

(Netflix)

The Crown

(Netflix)

The Handmaid's Tale

(Hulu | *BR: Paramount Network)

The Mandalorian

(Disney+ | *Sem exibição no BR)


MELHOR ATRIZ EM SÉRIE DRAMÁTICA

Vencedora: Zendaya, por Euphoria

Jennifer Aniston, por The Morning Show

Jodie Comer, por Killing Eve

Laura Linney, por Ozark

Olivia Colman, por The Crown

Sandra Oh, por Killing Eve


MELHOR ATOR EM SÉRIE DRAMÁTICA

Vencedor: Jeremy Strong, por Succession

Billy Porter, por Pose

Brian Cox, por Succession

Jason Bateman, por Ozark

Sterling K. Brown, por This Is Us

Steve Carell, por The Morning Show

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE EM SÉRIE DRAMÁTICA

Vencedora: Julia Garner, por Ozark

Fiona Shaw, por Killing Eve

Helena Bonham Carter, por The Crown

Laura Dern, por Big Little Lies

Meryl Streep, por Big Little Lies

Sarah Snook, por Succession

Samira Wiley, por The Handmaid's Tale

Thandie Newton, por Westworld

MELHOR ATOR COADJUVANTE EM SÉRIE DRAMÁTICA

Vencedor: Billy Crudup, por The Morning Show

Bradley Whitford, por The Handmaid's Tale

Giancarlo Esposito, por Better Caul Saul

Jeffrey Wright, por Westworld

Kieran Culkin, por Succession

Mark Duplass, por The Morning Show

Matthew Macfadyen, por Succession

Nicholas Braun, por Succession

MELHOR ATRIZ CONVIDADA EM SÉRIE DRAMÁTICA

Vencedor: Cherry Jones, por Succession

Alexis Bledel, por The Handmaid's Tale

Cicely Tyson, por How To Get Away With Murder

Harriet Walter, por Succession

Laverne Cox, por Orange Is The New Black

Phylicia Rashad, por This Is Us

MELHOR ATOR CONVIDADO EM SÉRIE DRAMÁTICA

Vencedor: Ron Cephas Jones, por This Is Us

Andrew Scott, por Black Mirror

Giancarlo Esposito, por The Mandalorian

James Cromwell, por Succession

Jason Bateman, por The Outsider

Martin Short, por The Morning Show

MELHOR DIREÇÃO EM SÉRIE DRAMÁTICA

Vencedora: Succession, episódio "This Is Not For Tears", direção de Mark Mylod

(HBO)

Homeland, ep."Episódio 12 / Prisoners Of War", dir. Lesli Linka Glatter

(Showtime | *BR: FOX Premium)

Ozark, ep. "Nostalgia", dir. Alik Sakharov

(Netflix)

Ozark, ep. "Seu território é meu", dir. Ben Semanoff

(Netflix)

Succession, ep. "Hunting", dir. Andrij Parekh

(HBO)

The Crown, ep. "Aberfan", dir. Benjamin Caron

(Netflix)

The Crown, ep. "Cri de Coeur", dir. Jessica Hobbs

(Netflix)

The Morning Show, ep. "A entrevista", dir. Mimi Leder

(Apple TV+)

MELHOR ROTEIRO EM SÉRIE DRAMÁTICA

Vencedora: Succession, ep. "This Is Not For Tears", roteiro de Jesse Armstrong

(HBO)

Better Call Saul, ep. "A mula", rot. Gordon Smith

(AMC | *BR: Netflix)

Better Call Saul, ep. "Estradas de más escolhas", rot. Thomas Schnauz

(AMC | *BR: Netflix)

Ozark, ep. "Alto Risco", rot. Chris Mundy

(Netflix)

Ozark, ep. "Briga de chefes", rot. John Shiban

(Netflix)

Ozark, ep. "Nostalgia", rot. Miki Johnson

(Netflix)

The Crown, ep. "Aberfan", rot. Peter Morgan

(Netflix)

COMÉDIA

MELHOR SÉRIE CÔMICA

Vencedora: Schitt's Creek

(Pop TV | *BR: Comedy Central e Paramount+, mas ainda sem exibição da última temporada)

Curb Your Enthusiasm

(HBO)

Disque Amiga para Matar

(Netflix)

Insecure

(HBO)

Maravilhosa Sra. Maisel

(Amazon Prime Video)

O Método Kominsky

(Netflix)

What We Do In The Shadows

(FX | *BR: FOX Premium)


MELHOR ATRIZ EM SÉRIE CÔMICA

Vencedora: Catherine O'Hara, por Schitt's Creek

Christina Applegate, por Disque Amiga para Matar

Issa Rae, por Insecure

Linda Cardellini, por Disque Amiga para Matar

Rachel Brosnahan, por Maravilhosa Sra. Maisel

Tracee Ellis Ross, por black-ish


MELHOR ATOR EM SÉRIE CÔMICA

Vencedor: Eugene Levy, por Schitt's Creek

Anthony Anderson, por black-ish

Don Cheadle, por Black Monday

Michael Douglas, por O Método Kominsky

Ramy Youssef, por Ramy

Ted Danson, por The Good Place

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE EM SÉRIE CÔMICA

Vencedora: Annie Murphy, por Schitt's Creek

Alex Borstein, por Maravilhosa Sra. Maisel

Betty Gilpin, por GLOW

Cecily Strong, por Saturday Night Live

D'Arcy Carden, por The Good Place

Kate McKinnon, por Saturday Night Live

Marin Hinkle, por Maravilhosa Sra. Maisel

Yvonne Orji, por Insecure

MELHOR ATOR COADJUVANTE EM SÉRIE CÔMICA

Vencedor: Daniel Levy, por Schitt's Creek

Alan Arkin, por O Método Kominsky

Andre Braugher, por Brooklyn Nine-Nine

Kenan Thompson, por Saturday Night Live

Mahershala Ali, por Ramy

Sterling K. Brown, por Maravilhosa Sra. Maisel

Tony Shalhoub, por Maravilhosa Sra. Maisel

William Jackson Harper, por The Good Place


MELHOR ATRIZ CONVIDADA EM SÉRIE CÔMICA

Vencedora: Maya Rudolph, por Saturday Night Live

Angela Bassett, por A Black Lady Sketch Show

Bette Midler, por The Politician

Maya Rudolph, por The Good Place

Phoebe Waller-Bridge, por Saturday Night Live

Wanda Sykes, por Maravilhosa Sra. Maisel

MELHOR ATOR CONVIDADO EM SÉRIE CÔMICA

Vencedor: Eddie Murphy, por Saturday Night Live

Adam Driver, por Saturday Night Live

Brad Pitt, por Saturday Night Live

Dev Patel, por Modern Love

Fred Willard, por Modern Family

Luke Kirby, por Maravilhosa Sra. Maisel

MELHOR DIREÇÃO EM SÉRIE CÔMICA

Vencedora: Schitt's Creek, ep. "Happy Ending", dir. Andrew Cividino e Daniel Levy

(Pop TV | *BR: Comedy Central e Paramount+, mas ainda sem exibição da última temporada)

Modern Family, ep. "Finale Part 2", dir. Gail Mancuso

(ABC | *BR: FOX Life)

Ramy, ep. "miakhalifa.mov", dir. Ramy Youssef

(Hulu | *Sem exibição no BR)

Maravilhosa Sra. Maisel, ep. "É Comédia ou Repolho", dir. Amy Sherman-Palladino

(Amazon Prime Video)

Maravilhosa Sra. Maisel, ep. "Rádio Maravilhosa", dir. Daniel Palladino

(Amazon Prime Video)

The Great, ep. "A Grande", dir. Matt Shakman

(Hulu | *BR: Starzplay)

Will & Grace, ep. "We Love Lucy", dir. James Burrows

(NBC | *BR: FOX)

MELHOR ROTEIRO EM SÉRIE CÔMICA

Vencedora: Schitt's Creek, ep. "Happy Ending", rot. Daniel Levy

(Pop TV | *BR: Comedy Central e Paramount+, mas ainda sem exibição da última temporada)

Schitt's Creek, ep. "The Presidential Suite", rot. David West Read

(Pop TV | *BR: Comedy Central e Paramount+, mas ainda sem exibição da última temporada)

The Good Place, ep. "Quando estivermos prontos", rot. Michael Schur

(NBC | *BR: Netflix)

The Great, ep. "A Grande", rot. Tony McNamara

(Hulu | *BR: Starzplay)

What We Do In The Shadows, ep. "Collaboration", rot. Sam Johnson e Chris Marcil

(FX | *BR: FOX Premium)

What We Do In The Shadows, ep. "Ghosts", rot. Paul Simms

(FX | *BR: FOX Premium)

What We Do In The Shadows, ep. "On The Run", rot. Stefani Robinson

(FX | *BR: FOX Premium)

MINISSÉRIE E TELEFILME

MELHOR MINISSÉRIE

Vencedora: Watchmen

(HBO)

Inacreditável

(Netflix)

Mrs. America

(FX / Hulu | *BR: FOX Premium 1)

Nada Ortodoxa

(Netflix)

Pequenos Incêndios Por Toda Parte (Little Fires Everywhere)

(Hulu | *BR: Amazon Prime Video)

MELHOR TELEFILME

Vencedor: Má Educação (Bad Education)

(HBO)

American Son

(Netflix)

Dolly Parton – Tocando o Coração (Dolly Parton's Heartstrings): Velhos ossos

(Netflix)

El Camino: A Breaking Bad Movie

(Netflix)

Unbreakable Kimmy Schmidt: Kimmy x Reverendo

(Netflix)

MELHOR ATRIZ EM MINISSÉRIE OU TELEFILME

Vencedora: Regina King, por Watchmen

Cate Blanchett, por Mrs. America

Kerry Washington, por Pequenos Incêndios Por Toda Parte (Little Fires Everywhere)

Octavia Spencer, por A Vida e a História de Madam C.J. Walker

Shira Haas, por Nada Ortodoxa


MELHOR ATOR EM MINISSÉRIE OU TELEFILME

Vencedor: Mark Ruffalo, por I Know This Much Is True

Hugh Jackman, por Má Educação (Bad Education)

Jeremy Irons, por Watchmen

Jeremy Pope, por Hollywood

Paul Mescal, por Normal People


MELHOR ATRIZ COADJUVANTE EM MINISSÉRIE OU TELEFILME

Vencedora: Uzo Aduba, por Mrs. America

Holland Taylor, por Hollywood

Jean Smart, por Watchmen

Margo Martindale, por Mrs. America

Toni Collette, por Inacreditável

Tracey Ullman, por Mrs. America

MELHOR ATOR COADJUVANTE EM MINISSÉRIE OU TELEFILME

Vencedor: Yahya Abdul-Mateen II, por Watchmen

Dylan McDermott, por Hollywood

Jim Parsons, por Hollywood

Jovan Adepo, por Watchmen

Louis Gossett Jr., por Watchmen

Tituss Burgess, por Unbreakable Kimmy Schmidt: Kimmy x Reverendo

MELHOR DIREÇÃO EM MINISSÉRIE OU TELEFILME

Vencedora: Nada Ortodoxa, dir. Maria Schrader

(Netflix)

Normal People, ep. "Episódio 5", dir. Lenny Abrahamson

(Hulu | *BR: Starzplay)

Pequenos Incêndios Por Toda Parte (Little Fires Everywhere), ep. "Encontrar um Jeito", dir. Lynn Shelton

(Hulu | *BR: Amazon Prime Video)

Watchmen, ep. "Little Fear Of Lightning", dir. Steph Green

(HBO)

Watchmen, ep. "It’s Summer And We’re Running Out Of Ice", dir. Nicole Kassell

(HBO)

Watchmen, ep. "This Extraordinary Being", dir. Stephen Williams

(HBO)

MELHOR ROTEIRO EM MINISSÉRIE OU TELEFILME

Vencedora: Watchmen, ep. "This Extraordinary Being", rot. Damon Lindelof e Cord Jefferson

(HBO)

Inacreditável, ep. "Episódio 1", rot. Susannah Grant, Michael Chabon e Ayelet Waldman

(Netflix)

Mrs. America, ep. "Shirley", rot. Tanya Barfield

(FX / Hulu | *BR: FOX Premium 1)

Nada Ortodoxa, ep. "Parte 1", rot. Anna Winger

(Netflix)

Normal People, ep. "