• Nayara Reynaud

Spirit Awards 2022 | Veja os vencedores e indicados ao prêmio do cinema independente norte-americano

Atualizado: 8 de mar.


Chamada para votar no 36º Film Independent Spirit Awards | Imagem: Divulgação (Film Independent)

Foi a vez de premiar o audiovisual independente nesta temporada de premiações com o Spirit Awards, que consagrou o longa-metragem A Filha Perdida (2021) neste domingo (6). A adaptação do livro de Elena Ferrante, realizada pela atriz e, agora, cineasta estreante Maggie Gyllenhaal, venceu os prêmios principais de Melhor Filme, Direção e Roteiro, sendo seguida por Identidade (2021), Shiva Baby (2020) e Zola (2020), com dois troféus para cada um deles. O último título, aliás, era o maior destaque da lista de indicados anunciada remotamente pelas atrizes Beanie Feldstein, Naomi Watts e Regina Hall, em 14 de dezembro do ano passado, concorrendo em sete categorias, mas o vice-líder The Novice (2021), de Lauren Hadaway, que figurava em cinco, saiu de mãos abanando da 37ª edição do evento, que aceitou produções com orçamentos de até US$ 22,5 milhões, e teve o estúdio A24 também sob os holofotes ao acumular 13 indicações.


Na parte televisiva, que, pelo segundo ano consecutivo, é agraciada pela Film Independent, quem chamou a atenção foi a dramédia sobre adolescentes indígenas Reservation Dogs (2021), do FX e exibida aqui pelo Star+, que faturou os prêmios de Melhor Nova Série Roteirizada e outro para o seu elenco. O foco tardio da indústria audiovisual dos Estados Unidos para os povos nativos norte-americanos, aliás, aparece em outros concorrentes desta edição, o que levou, por sinal, o ator Michael Greyeyes a receber duas indicações, uma pela performance no filme Wild Indian (2021) e outra pela sitcom Rutherford Falls (2021). Também vale ressaltar que o montador Affonso Gonçalves, de nacionalidades brasileira e estadunidense, foi indicado por seu trabalho no filme italiano A Chiara (2021), de Jonas Carpignano, um dos cineasta do qual é parceiro corriqueiro, assim como Todd Haynes – e talvez se torne de Gyllenhaal, depois de ter montado o début premiado da realizadora.


A cerimônia de entrega dos prêmios voltou a ser presencial, na praia de Santa Mônica, como de costume antes da edição passada, realizada virtualmente por causa da pandemia de Covid-19. Com apresentação de Megan Mullally e Nick Offerman, o evento teve transmissão exclusiva do canal IFC, nos Estados Unidos e Canadá, sem exibição no Brasil.

Veja abaixo todos os vencedores e a lista completa de indicados do Spirit 2022:

 

CATEGORIAS CINEMATOGRÁFICAS



MELHOR FILME

Vencedor: A Filha Perdida

(Produção: Charles Dorfman, Maggie Gyllenhaal, Osnat Handelsman Keren e Talia Kleinhendler | Netflix | *BR: Netflix e O2 Filmes)

A Chiara

(Produção: Jonas Carpignano, Paolo Carpignano, Jon Coplon e Ryan Zacarias | Neon | *BR: MUBI, exibido na Mostra SP 2021 e no Festival do Rio 2021)

C'mon C'mon

(Produção: Chelsea Barnard, Andrea Longacre-White e Lila Yacoub | A24 | *BR: Diamond Films)

The Novice

(Produção: Ryan Hawkins, Kari Hollend, Steven Sims e Zack Zucker | IFC Films | *Sem distribuição no BR)

Zola

(Produção: Kara Baker, Dave Franco, Elizabeth Haggard, David Hinojosa, Vince Jolivette, Christine Vachon e Gia Walsh | A24 | *BR: disponível em VOD)


MELHOR PRIMEIRO FILME

Vencedor: 7 Days

(Direção: Roshan Sethi | Produção: Liz Cardenas e Mel Eslyn | Cinedigm |*Sem distribuição no BR)

Holler

(Direção: Nicole Riegel | Produção: Adam Cobb, Rachel Gould, Katie Mcneill, Jamie Patricof e Christy Spitzer Thornton | IFC Films | *Sem distribuição no BR)

Queen of Glory

(Direção: Nana Mensah | Produção: Baff Akoto, Anya Migdal, Kelley Robins Hicks e Jamund Washington | Sem distribuição)

Test Pattern

(Direção: Shatara Michelle Ford | Produção: Shatara Michelle Ford, Pin-Chun Liu e Yu-Hao Su | Kino Lorber |*Sem distribuição no BR)

Wild Indian

(Direção: Lyle Mitchell Corbine, Jr. | Produção: Lyle Mitchell Corbine, Jr., Thomas Mahoney e Eric Tavitian | Vertical |*Sem distribuição no BR)

PRÊMIO JOHN CASSAVETES

(*Filmes com orçamento menor que $500 mil)

Vencedor: Shiva Baby

(Direção: Emma Seligman | Roteiro: Emma Seligman | Produção: Emma Seligman, Kieran Altmann, Katie Schiller e Lizzie Shapiro | Utopia |*BR: MUBI)

Cryptozoo

(Direção: Dash Shaw | Roteiro: Dash Shaw | Produção: Tyler Davidson, Kyle Martin, Jane Samborski e Bill Way | Magnolia | *Sem distribuição no BR)

Jockey

(Direção: Clint Bentley | Roteiro: Clint Bentley e Greg Kwedar | Produção: Clint Bentley, Greg Kwedar e Nancy Schafer | Sony Pictures Classics |*Sem distribuição no BR)

Sweet Thing

(Direção: Alexandre Rockwell | Roteiro: Alexandre Rockwell | Produção: Louis Anania, Haley Anderson e Kenan Baysal | Sem distribuição)

This is Not a War Story

(Direção: Talia Lugacy | Roteiro: Talia Lugacy | Produção: Talia Lugacy, Noah Lang e Julian West | HBO Max |*Sem distribuição no BR)

PRODUCERS AWARD (PRÊMIO DOS PRODUTORES)

(*Reconhece e premia produtores revelação)

Vencedora: Lizzie Shapiro

Brad Becker-Parton

Pin-Chun Liu

MELHOR DIREÇÃO

Vencedora: Maggie Gyllenhaal, por A Filha Perdida

Janicza Bravo, por Zola

Lauren Hadaway, por The Novice

Mike Mills, por C'mon C'mon

Ninja Thyberg, por Pleasure

PRÊMIO SOMEONE TO WATCH (ALGUÉM PARA OBSERVAR)

(*Premia cineastas de visão única que ainda não foram reconhecidos propriamente)

Vencedor: Alex Camilleri, por Entre Águas / Luzzu

Gillian Wallace Horvat, por I Blame Society

Michael Sarnoski, por PIG – A Vingança

MELHOR ROTEIRO

Vencedora: Maggie Gyllenhaal, por A Filha Perdida

Janicza Bravo e Jeremy O. Harris, por Zola

Mike Mills, por C'mon C'mon

Nikole Beckwith, por Juntos Mas Separados

Todd Stephens, por Swan Song

MELHOR PRIMEIRO ROTEIRO

Vencedor: Michael Sarnoski (argumento de Vanessa Block e Michael Sarnoski), por PIG – A Vingança

Fran Kranz, por Mass

Lyle Mitchell Corbine, Jr., por Wild Indian

Matt Fifer (argumento de Sheldon D. Brown), por Cicada

Shatara Michelle Ford, por Test Pattern


PRÊMIO ROBERT ALTMAN

Vencedor: Mass

(Direção: Fran Kranz | Direção de Elenco (Casting): Henry Russell Bergstein e Allison Estrin | Elenco: Kagen Albright, Reed Birney, Michelle N. Carter, Ann Dowd, Jason Isaacs, Martha Plimpton e Breeda Wool)

MELHOR ATRIZ

Vencedora: Taylour Paige, por Zola

Brittany S. Hall, por Test Pattern

Isabelle Fuhrman, por The Novice

Kali Reis, por Catch the Fair One

Patti Harrison, por Juntos Mas Separados

MELHOR ATOR

Vencedor: Simon Rex, por Red Rocket

Clifton Collins Jr., por Jockey

Frankie Faison, por The Killing of Kenneth Chamberlain

Michael Greyeyes, por Wild Indian

Udo Kier, por Swan Song

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

Vencedora: Ruth Negga, por Identidade

Amy Forsyth, por The Novice

Jessie Buckley, por A Filha Perdida

Revika Reustle, por Pleasure

Suzanna Son, por Red Rocket

MELHOR ATOR COADJUVANTE

Vencedor: Troy Kotsur, por No Ritmo do Coração / CODA

Chaske Spencer, por Wild Indian

Colman Domingo, por Zola

Meeko Gattuso, por Queen of Glory

Will Patton, por Sweet Thing

MELHOR FOTOGRAFIA

Vencedor: Edu Grau, por Identidade

Ante Cheng e Matthew Chuang, por Blue Bayou

Ari Wegner, por Zola

Lol Crawley, por The Humans

Tim Curtin, por A Chiara

MELHOR MONTAGEM (EDIÇÃO)

Vencedora: Joi McMillon, por Zola

Affonso Gonçalves, por A Chiara

Ali Greer, por The Nowhere Inn

Enrico Natale, por The Killing of Kenneth Chamberlain

Lauren Hadaway e Nathan Nugent, por The Novice


MELHOR FILME INTERNACIONAL

Vencedor: Drive My Car, de Ryusuke Hamaguchi (Japão)

A Noite do Fogo, de Tatiana Huezo (México)

Compartment Nº 6, de Juho Kuosmanen (Finlândia e Rússia)

Madres Paralelas, de Pedro Almodóvar (Espanha)

Pedregulhos / Koozhangal, de P.S. Vinothraj (Índia)

Petite Maman, de Céline Sciamma (França)

MELHOR DOCUMENTÁRIO

Vencedor: Summer of Soul (...ou, Quando a Revolução Não Pôde Ser Televisionada)

(Direção: Ahmir "Questlove" Thompson | Produção: David Dinerstein, Robert Fyvolent e Joseph Patel)

Ascension

(Direção: Jessica Kingdon | Produção: Jessica Kingdon, Kira Simon-Kennedy e Nathan Truesdell)

Fuga / Flee

(Direção: Jonas Poher Rasmussen | Produção: Monica Hellström e Signe Byrge Sørensen)

In the Same Breath - Verdades e Mentiras da Pandemia

(Direção: Nanfu Wang | Produção: Nanfu Wang, Christopher Clements, Julie Goldman, Carolyn Hepburn e Jialing Zhang)

No Caminho da Cura

(Direção: Robert Greene | Produção: Susan Bedusa, Bennett Elliott e Douglas Tirola)

PRÊMIO TRUER THAN FICTION (MAIS VERDADEIRO QUE A FICÇÃO)

(*Reconhece e premia diretores revelação em longas de não-ficção)

Vencedora: Jessica Beshir, por Faya Dayi

Angelo Madsen Minax, por Rumo ao Norte / North By Current

Debbie Lum, por Try Harder!

 

CATEGORIAS TELEVISIVAS



MELHOR NOVA SÉRIE ROTEIRIZADA

Vencedora: Reservation Dogs

(Criação: Sterlin Harjo e Taika Waititi | Produção Executiva: Sterlin Harjo, Taika Waititi e Garrett Basch | FX | *BR: Star+)

Blindspotting

(Criação: Rafael Casal e Daveed Diggs | Produção Executiva: Rafael Casal, Daveed Diggs, Jess Wu Calder, Keith Calder, Ken Lee, Tim Palen, Emily Gerson Saines e Seith Mann | Starz | *BR: Starzplay)

It’s a Sin

(Produção Executiva: Russell T Davies, Peter Hoar e Nicola Shindler | HBO Max)

The Underground Railroad

(Criação: Barry Jenkins | Produção Executiva: Barry Jenkins, Adele Romanski, Mark Ceryak, Brad Pitt, Dede Gardner, Jeremy Kleiner, Colson Whitehead, Richard Heus e Jacqueline Hoyt | Amazon Prime Video)

We Are Lady Parts

(Criação: Nida Manzoor | Produção Executiva: Tim Bevan, Eric Fellner, Surian Fletcher-Jones e Mark Freeland | Channel 4 e Peacock | *Sem exibição no BR)


MELHOR ELENCO EM UMA NOVA SÉRIE ROTEIRIZADA

Vencedor: Reservation Dogs

(Elenco: Devery Jacobs, D’Pharaoh Woon-A-Tai, Lane Factor, Paulina Alexis, Sarah Podemski, Zahn McClarnon, Lil Mike e FunnyBone)


MELHOR PERFORMANCE FEMININA EM UMA NOVA SÉRIE ROTEIRIZADA

Vencedora: Thuso Mbedu, por The Underground Railroad

Anjana Vasan, por We Are Lady Parts

Deborah Ayorinde, por Eles / Them

Jana Schmieding, por Rutherford Falls

Jasmine Cephus Jones, por Blindspotting


MELHOR PERFORMANCE MASCULINA EM UMA NOVA SÉRIE ROTEIRIZADA

Vencedor: Jung-Jae Lee, por Round 6

Ashley Thomas, por Eles / Them

Michael Greyeyes, por Rutherford Falls

Murray Bartlett, por The White Lotus

Olly Alexander, por It’s a Sin


MELHOR NOVA SÉRIE NÃO-ROTEIRIZADA OU DOCUMENTAL

Vencedora: Negros e Desaparecidos

(Criação: Soledad O’Brien e Geeta Gandbhir | Produção Executiva: Soledad O’Brien, Geeta Gandbhir, Jo Honig, Patrick Conway, Nancy Abraham, Lisa Heller e Sara Rodriguez | HBO Max)

Nuclear Family

(Criação: Ry Russo-Young | Produção Executiva: Liz Garbus, Julie Gaither, Jon Bardin, Leah Holzer, Peter Saraf, Alex Turtletaub, Jenny Raskin, Geralyn White Dreyfous, Lauren Haber, Maria Zuckerman, Christine Connor, Ryan Heller, Barbara Dobkin, Eric Dobkin, Andrea Van Beuren e Joe Landauer | HBO Max)

Philly D.A.

(Criação: Ted Passon, Yoni Brook e Nicole Salazar | Produção Executiva: Dawn Porter, Sally Jo Fifer, Lois Vossen, Ryan Chanatry, Gena Konstantinakos, Jeff Seelbach e Patty Quillin | Co-produção Executiva: Nion McEvoy e Leslie Berriman | PBS | *Sem exibição no BR)

The Choe Show

(Criação: David Choe | Produção Executiva: David Choe, Matt Revelli, Christopher C. Chen, Hiro Murai e Nate Matteson | FX | *BR: Star+)

The Lady and the Dale - Uma Mentira Sobre Rodas

(Produção Executiva: Mark Duplass, Jay Duplass, Mel Eslyn, Allen Bain, Andre Gaines, Nick Cammilleri, Alana Carithers, Zackary Drucker, Nancy Abraham e Lisa Heller | HBO)


#Cinema #TV #Premiações #Spirit

0 comentário
 siga o NERVOS: 
 @nervossite 
  • Twitter - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle
  • SoundCloud - Black Circle
  • Spotify - Black Circle
  • Deezer - Black Circle
  • iTunes - círculo preto
  • Branco RSS Icon
  • Twitter B&W
  • Facebook B&W
  • Instagram B&W