© 2019 por Nayara Reynaud. Criado a partir da plataforma Wix.

Spirit Awards 2020 | Veja os vencedores e indicados ao prêmio do cinema independente americano

08/02/2020

 

Em uma temporada de premiações de poucas surpresas, o Spirit Awards veio como um respiro na véspera do Academy Awards. A 35ª edição do maior prêmio do cinema independente norte-americano, realizada neste sábado (8), na praia de Santa Mônica na Califórnia, agraciou favoritos para as estatuetas do Oscar de amanhã, como Parasita (2019) em Melhor Filme Internacional e Renée Zellweger como Melhor Atriz por Judy (2019), mas foi marcada pelas surpreendentes vitórias de The Farewell (2019), longa de Lulu Wang que levou os troféus de Melhor Filme e Atriz Coadjuvante para Zhao Shuzhen. Se a produção chinesa-americana ganhou o destaque final do evento apresentado mais uma vez por Aubrey Plaza, o maior vencedor foi Joias Brutas (2019), dos irmãos Benny Safdie e Josh Safdie, premiados pela Direção e, o primeiro também, pela montagem com Ronald Bronstein, além de Adam Sandler ser eleito o Melhor Ator e entregar um dos discursos mais engraçados da noite.

Se o thriller policial era o título com mais indicações, cinco, junto com O Farol (2019), o novo trabalho de Robert Eggers não saiu em branco e conquistou os prêmios de Melhor Ator Coadjuvante para Willem Dafoe e Fotografia para Jarin Blaschke. Enquanto isso, História de um Casamento (2019) ganhou o Prêmio Robert Altman por seu elenco e o troféu de Melhor Roteiro para o cineasta Noah Baumbach. Os nomes dos indicados ao 35º Film Independent Spirit Awards foram anunciados pelas atrizes Zazie Beetz e Natasha Lyonne ainda em 21 de novembro, tendo entre eles o do filme brasileiro Vida Invisível (2019), de Karim Aïnouz, que não teve êxito frente ao favoritismo sul-coreano do sucesso de Joon-ho Bong – vale lembrar que, na edição passada, o diretor estreante Alex Moratto ganhou o prêmio "Someone to Watch" pelo longa Sócrates (2018), além de concorrer em outras duas categorias.

 

Veja abaixo os nomes dos vencedores e a lista completa de indicados do Spirit 2020:

MELHOR FILME

Vencedor: The Farewell

(Produção: Anita Gou, Daniele Melia, Andrew Miano, Peter Saraf, Marc Turtletaub, Lulu Wang, Chris Weitz e Jane Zheng)

Clemency

(Produção: Timur Bekbosunov, Julian Cautherley, Bronwyn Cornelius e Peter Wong)

História de um Casamento

(Produção: Noah Baumbach e David Heyman | Netflix)

Uma Vida Oculta

(Produção: Elisabeth Bentley, Dario Bergesio, Grant Hill e Josh Jeter | *BR: Fox Searchlight)

Jóias Brutas

(Produção: Eli Bush, Sebastian Bear McClard e Scott Rudin | Netflix)

 

MELHOR PRIMEIRO FILME

Vencedor: Fora de Série

(Direção: Olivia Wilde | Produção: Chelsea Barnard, David Distenfeld, Jessica Elbaum, Megan Ellison e Katie Silberman | *BR: Imagem Filmes)

A Gente se Vê Ontem

(Direção: Stefon Bristol | Produção: Spike Lee)

A Vida de Diane

(Direção: Kent Jones | Produção: Luca Borghese, Ben Howe, Caroline Kaplan e Oren Moverman | *BR: Supo Mungam Films)

The Climb

(Direção: Michael Angelo Covino | Produção: Noah Lang e Kyle Marvin)

The Last Black Man in San Francisco

(Direção: Joe Talbot | Produção: Dede Gardner, Jeremy Kleiner, Khaliah Neal e Christina Oh)

The Mustang

(Direção: Laure de Clermont-Tonnerre | Produção: Ilan Goldman)

 

PRÊMIO JOHN CASSAVETES

(*Filmes com orçamento menor que $500 mil)

Vencedor: Give Me Liberty

(Direção: Kirill Mikhanovsky | Roteiro: Kirill Mikhanovsky e Alice Austen | Produção: Kirill Mikhanovsky, Alice Austen, Val Abel, Wally Hall, Michael Manasseri, George Rush e Sergey Shtern)

Burning Cane

(Direção: Phillip Youmans | Roteiro: Phillip Youmans | Produção: Phillip Youmans, Ojo Akinlana, Jakob Johnson, Karen Kaia Livers, Mose Mayer,Wendell Pierce, Isaac Web e Cassandra Youmans)

Colewell

(Direção: Tom Quinn | Roteiro: Tom QuinnProdução: Joshua Blum, Alexandra Byer, Craig Shilowich e Matthew Thurm)

Loucas Noites com Emily / Wild Nights with Emily

(Direção: Madeleine Olnek | Roteiro: Madeleine Olnek | Produção: Madeleine Olnek, Anna Margarita Albelo, Casper Andreas e Max Rifkind-Barron)

Premature

(Direção: Rashaad Ernesto Green | Roteiro: Rashaad Ernesto Green e Zora Howard | Produção: Rashaad Ernesto Green, Darren Dean e Joy Ganes)

 

PRODUCERS AWARD (PRÊMIO DOS PRODUTORES)

(*Reconhece e premia produtores revelação)

Vencedora: Mollye Asher

Krista Parris

Ryan Zacarias

 

MELHOR DIREÇÃO

Vencedores: Benny Safdie e Josh Safdie, por Jóias Brutas

Alma Har’el, por Honey Boy

Julius Onah, por Luce

Lorene Scafaria, por As Golpistas

Robert Eggers, por O Farol

 

PRÊMIO SOMEONE TO WATCH (ALGUÉM PARA OBSERVAR)

(*Premia cineastas de visão única que ainda não foram reconhecidos propriamente)

Vencedor: Rashaad Ernesto Green, Premature

Ash Mayfair, por A Terceira Esposa

Joe Talbot , The Last Black Man in San Francisco

 

BONNIE AWARD (PRÊMIO BONNIE)

(*Reconhece e premia mulheres diretoras, em meio de carreira)

Vencedora: Kelly Reichardt

Lulu Wang

Marielle Heller

 

PRÊMIO ROBERT ALTMAN

Vencedor: História de um Casamento

(Direção: Noah Baumbach | Direção de Elenco (Casting): Douglas Aibel e Francine Maisler | Elenco: Adam Driver, Alan Alda, Azhy Robertson, Julie Hagerty, Laura Dern, Merritt Wever, Ray Liotta e Scarlett Johansson)

 

MELHOR ATRIZ

Vencedora: Renée Zellweger, por Judy

Alfre Woodard, por Clemency

Elisabeth Moss, por Her Smell

Hong Chau, por Driveways

Karen Allen, por Colewell

Mary Kay Place, por A Vida de Diane

 

MELHOR ATOR

Vencedor: Adam Sandler, por Jóias Brutas

Chris Galust, por Give Me Liberty

Kelvin Harrison Jr., por Luce

Matthias Schoenaerts, por The Mustang

Robert Pattinson, por O Farol

 

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

Vencedora: Zhao Shuzhen, por The Farewell

Jennifer Lopez, por As Golpistas

Lauren “Lolo” Spencer, por Give Me Liberty

Octavia Spencer , por Luce

Taylor Russell, por Waves

 

MELHOR ATOR COADJUVANTE

Vencedor: Willem Dafoe, por O Farol

Jonathan Majors, por The Last Black Man in San Francisco

Noah Jupe, por Honey Boy

Shia LaBeouf, por Honey Boy

Wendell Pierce, por Burning Cane

 

MELHOR ROTEIRO

Vencedor: Noah Baumbach, por História de um Casamento

Chinonye Chukwu, por Clemency

Jason Begue e Shawn Snyder, por Ao Pó Voltará

Ronald Bronstein, Benny Safdie e Josh Safdie, por Jóias Brutas

Tarell Alvin McCraney, por High Flying Bird

 

MELHOR PRIMEIRO ROTEIRO

Vencedores: Fredrica Bailey e Stefon Bristol, por A Gente se Vê Ontem

Bridget Savage Cole e Danielle Krudy, por Blow the Man Down

Hannah Bos e Paul Thureen, por Driveways

James Montague e Craig W. Sanger, por The Vast of Night

Jocelyn Deboer e Dawn Luebbe, por Greener Grass

 

MELHOR FOTOGRAFIA

Vencedor: Jarin Blaschke, por O Farol

Chananun Chotrungroj, por A Terceira Esposa

Natasha Braier, por Honey Boy

Pawel Pogorzelski, por O Mal Não Espera a Noite – Midsommar

Todd Banhazl, por As Golpistas

 

MELHOR MONTAGEM (EDIÇÃO)

Vencedores: Ronald Bronstein e Benny Safdie, por Jóias Brutas

Julie Béziau, por A Terceira Esposa

Kirill Mikhanovsky, por Give Me Liberty

Louise Ford, por O Farol

Tyler L. Cook, por Sword of Trust

 

MELHOR FILME INTERNACIONAL

Vencedor: Parasita, de Bong Joon-ho (Coreia do Sul)

A Vida Invisível, de Karim Aïnouz (Brasil)

Os Miseráveis, de Ladj Ly (França)

Retablo, de Álvaro Delgado-Aparicio (Peru)

Retrato de uma Jovem em Chamas, de Céline Sciamma (França)

The Souvenir, de Joanna Hogg (Reino Unido)

 

MELHOR DOCUMENTÁRIO

Vencedor: Indústria Americana

(Direção: Steven Bognar e Julia Reichert | Produção: Steven Bognar, Julia Reichert, Julia Parker Benello e Jeff Reichert)

Apollo 11

(Direção: Todd Douglas Miller | Produção: Todd Douglas Miller, Evan Krauss e Thomas Baxley Peterson)

For Sama

(Direção: Edward Watts e Waad al-Kateab | Produção: Waad al-Kateab)

Honeyland

(Direção: Tamara Kotevska e Ljubomir Stefanov | Produção: Ljubomir Stefanov e Atanas Georgiev)

Island of the Hungry Ghosts

(Direção: Gabrielle Brady | Produção: Gabrielle Brady, Gizem Acarla, Samm Haillay, Alex Kelly e Alexander Wadouh)

 

PRÊMIO TRUER THAN FICTION (MAIS VERDADEIRO QUE A FICÇÃO)

(*Reconhece e premia diretores revelação em longas documentários)

Vencedora: Nadia Shihab, por Jaddoland

Davy Rothbart, por 17 Blocks

Erick Stoll e Chase Whiteside, por América

Khalik Allah, por Black Mother

 

Compartilhar
Tweetar
Please reload

 Textos relacionados: 
Please reload

 últimas: 
Please reload

 siga o NERVOS: 
 @nervossite 
  • Twitter - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
  • SoundCloud - Black Circle
  • Deezer - Black Circle
  • Spotify - Black Circle
  • Branco RSS Icon
  • Twitter B&W
  • Facebook B&W
  • Instagram B&W