© 2019 por Nayara Reynaud. Criado a partir da plataforma Wix.

Cine Resumão #20 | Semana de 09 a 15/04

16/04/2018

Os próximos lançamentos da Sessão Vitrine Petrobras na cobertura da coletiva, os anúncios dos festivais, além dos vários trailers e pôsteres, como da sequência Os Incríveis 2 (2018), e as notícias de 9 a 15 de abril estão no Cine Resumão #20.

Cartazes

  • Depois dos teasers, foram divulgados o trailer e pôster de Os Incríveis 2, a aguarda continuação da animação de 2004 sobre uma família de super-heróis. O vídeo mostra como agora, com a volta à ativa e a Mulher-Elástico / Helena ganhando os holofotes, cabe a Roberto, o Sr. Incrível, cuidar dos filhos também superpoderosos, mas com a irritação da adolescência em Violeta, o furor da infância no veloz Flecha e as descobertas do bebê Zezé. Estreia em 28 de junho.

 

 

  • Se no Cine Resumão #19 saiu o trailer legendado de Hereditário (2018), essa semana foi a vez de liberarem o pôster teaser do terror elogiado no Festival de Sundance, em que uma família descobre uma herança passada por gerações após a morte da reclusa matriarca. Milly Shapiro, Toni Collete, Alex Wolff, Ann Down e Gabriel Byrne estão no elenco da produção que chega aqui em junho, provavelmente no dia 21.

Trailers

  • Se o vídeo anterior mostrava mais do planejamento, o novo trailer de Oito Mulheres e Um Segredo (2018) mostra mais o bando comandado por Sandra Bullock, vivendo a irmã de Danny Ocean, o líder interpretado por George Clooney nos outros filmes do universo de ladrões, na ação para roubar um valioso colar usado pela personagem de Anne Hathaway durante o famoso baile do MET. Ao lado de Cate Blanchett, Mindy Kaling, Sarah Paulson, Helena Bonham Carter, Awkwafina e ainda a cantora Rihanna, elas colocam o plano em prática nos cinemas a partir de 7 de junho.

 

  • Em outro continente, uma aeromoça norte-americana se apaixona por um garçom francês (Damien Bonnard) em Uma Escala em Paris (2017) e vai à loucura quando o antigo amor dele (Esther Garrel) reaparece no longa de Nathan Silver, que será lançado em 24 de maio.

 

  • O amor parece mais agradável para a protagonista da comédia romântica francesa 50 São os Novos 30 (2017), dirigida e estrelada por Valérie Lemercier na pele dessa mulher que, no meio do turbilhão da separação, desemprego e da convivência diária novamente com os pais, encontra a paixão em um cozinheiro (Patrick Timsit). Lançamento prevista para 28 de junho.

 

  • Equilibrando a beleza e dor deste sentimento, vem Naomi Kawase com seu Esplendor (2017), longa presente no último Festival de Cannes e na Mostra que traz o amor que surge entre uma jovem (Ayame Misaki) que escreve versões em audiodescrição para os filmes e um fotógrafo (Masatoshi Nagase) que está ficando cego. Em 10 de maio, chega ao circuito.

 

  • Nas bandas de cá, Monique Gardenberg volta, depois de mais de 10 anos de Ó Pai, Ó (2007), trazendo novamente uma veia popular e underground em Paraíso Perdido (2018). Pelo menos, é o que parece pelo trailer que mostra o personagem de Lee Taylor adentrando aquele mundo da boate Paraíso Perdido e da família que comanda com muita música brega e romântica o lugar, desde o patriarca vivido por Erasmo Carlos. No grande elenco da produção que sai dia 31 de maio, ainda estão os nomes de Júlio Andrade, Hermila Guedes, o cantor Jaloo, Julia Konrad, Marjorie Estiano, Seu Jorge, Malu Galli, Humberto Carrão e Felipe Abib.

 

  • Outra novidade do cinema nacional é o drama de ação O Nome da Morte (2017), com Marco Pigossi vivendo a história real de Júlio Santana, um pistoleiro confesso que afirmou no livro homônimo do jornalista Klester Cavalcanti ter matado 492 pessoas, ao longa de mais de vinte anos em que escondeu sua vida de matador de aluguel da mulher (Fabiula Nascimento), enquanto foi levado por um tio (André Mattos) para um caminho que, por ser religioso, o corrói. O longa de Henrique Goldman tem lançamento marcado para 9 de agosto.

 

  • Já no campo dos documentários, foi lançado o teaser de O Processo (2018), longa de Maria Augusta Ramos sobre o impeachment da ex-presidente Dilma, que teve sua première no Festival de Berlim e foi exibido pela primeira vez no país neste domingo (15), na 23ª edição do É Tudo Verdade. A produção entra no circuito em 17 de maio.

 

  • Deixando de lado o mar de tubarões da política nacional, Jason Statham e a chinesa Li Bingbing precisam enfrentar um Megalodon, uma espécie viva do tubarão pré-histórico gigante que é descoberta por uma equipe de um programa internacional de observação subaquática que viaja em um submarino de águas profundas. Nomeada aqui como Megatubarão (2018), a produção que parece um Sharknado em grande escala é dirigida por Jon Turteltaub e estreia em 9 de agosto.

 

  • Outro que entra no ramo dos filmes de ação é Ethan Hawke, que estrela Um Dia Para Viver (2017), na pele de um assassino que perde a família e tem suas últimas 24 horas de vida para se vingar e se redimir. O trailer da produção que estreia em 7 de junho nos cinemas também tem a versão dublada e revela os atores Liam Cunningham e Rutger Hauer no elenco.

 

  • Nessa mesma vibe de vingança com as próprias mãos, Bruce Willis faz um médico que vira o justiceiro da cidade em Desejo de Matar (2018), produção que estreia em 10 de maio e ganhou novo trailer por aqui.

 

  • Dude – A Vida É Assim (2018) é o próximo filme original da Netflix, que estreia já nesta sexta, 20 de abril, acompanhando os momentos finais de um grupo de quatro amigos no ensino médio, sendo estrelado por Lucy Hale, Alex Wolff, Alexandra Shipp, Awkwafina e Kathryn Prescott.

Premiações e Festivais

  • Dois importantes festivais brasileiros abriram suas inscrições nesta semana. O Cine Ceará está desde a segunda passada (9) com as inscrições abertas, até dia 23 de maio, no site www.cineceara.com, para as mostras competitivas ibero-americana de longa-metragem e brasileira de curta-metragem de sua 28ª edição, que será realizada entre 4 e 10 de agosto no Cineteatro São Luiz, em Fortaleza-CE. Já as da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo para as seções Competição Novos Diretores e Perspectiva Internacional estarão disponíveis até o dia 20 de julho no site www.mostra.org, onde também está o regulamento da 42ª edição do evento, que acontece de 18 a 31 de outubro.

  • Enquanto isso lá fora, foram divulgados, na última quinta (12), os títulos selecionados para o próximo Festival de Cannes, que ocorrerá de 8 a 19 de maio na cidade francesa. Entre eles, está a exibição especial de O Grande Circo Místico (2018), de Cacá Diegues, cineasta brasileiro que já disputou a Palma de Ouro em três ocasiões, e Arctic (2018), dirigido pelo brasileiro, hoje radicado em Los Angeles, Joe Penna. Veja abaixo a seleção, que pode receber alguns acréscimos nos próximos dias, até agora:

 

COMPETIÇÃO OFICIAL

Filme de abertura: Todos Lo Saben (Everybody Knows), de Asghar Farhadi (Espanha / França / Itália | Universal Pictures | BR: Paris Filmes)

Ash is Purest White, de Jia Zhang-Ke (China | BR: Imovision)

BlacKkKlansman, de Spike Lee (EUA | Focus Features)

Buh-Ning (Burning), de Chang-dong Lee (Coreia do Sul)

Capharnaüm, de Nadine Labaki (Líbano)

Dogman, de Matteo Garrone (Itália / França)

En Guerre, de Stéphane Brizé (França)

Lazzaro Felice, de Alice Rohrwacher (Itália / Suíça / França / Alemanha)

Le Livre D’image, de Jean-Luc Godard (França | BR: Imovision)

Les Filles du Soleil, de Eva Husson (França / Bélgica / Geórgia / Suíça | Br: California Filmes)

Leto, de Kirill Serebrennikov (Rússia | BR: Imovision)

Manbiki Kazoku (Shoplifters), de Hirokazu Koreeda (Japão | BR: Imovision)

Netemo Sametemo, de Ryûsuke Hamaguchi (Japão)

Plaire, Aimer et Courir Vite (Sorry Angel), de Christophe Honoré (França | BR: Imovision)

Three Faces, de Jafar Panahi (Irã | BR: Imovision)

Under the Silver Lake, de David Robert Mitchell (EUA | A24)

Yomeddine, de A.B. Shawky (Egito / EUA / Áustria | BR: Imovision)

Zimna Wojna, de Pawel Pawlikowski (Polônia / França / Reino Unido | Amazon Studios)

 

MOSTRA UN CERTAIN REGARD

À Genoux Les Gars, de Antoine Desrosières (França)

Die Stropers (Les Moissonneurs), de Etienne Kallos (África do Sul)

El Ángel, de Luis Ortega (Argentina / Espanha | 20th Century Fox)

Euphoria, de Valeria Golino (Itália)

Girl, de Lukas Dhont (Bélgica)

Gräns (Border), de Ali Abbasi (Suécia)

Gueule D’ange, de Vanessa Filho (França)

In My Room, de Ulrich Köhler (Alemanha / Itália)

Les Chatouilles, de Andréa Bescond e Eric Métayer (França)

Long Day’s Journey Into Night, de Bi Gan (China)

Manto, de Nandita Das (Índia)

Mon Tissu Préféré, de Gaya Jiji (França / Alemanha / Turquia)

Rafiki, de Wanuri Kahiu (África do Sul / Quênia / França / Holanda / Alemanha)

Sofia, de Meryem Benm’Barek (Marrocos)

The Gentle Indifference of the World, de Adilkhan Yerzhanov (Cazaquistão)

 

FORA DE COMPETIÇÃO

Han Solo: Uma História Star Wars, de Ron Howard (EUA | Internacional e BR: Disney)

Le Grand Bain, de Gilles Lellouche (França | StudioCanal)

 

SESSÕES ESPECIAIS

10 Years Thailand, de Aditya Assarat, Wisit Sasanatieng, Chulayarnon Sriphol e Apichatpong Weerasethakul (Tailândia)

À Tous Vents, de Michel Toesca (França/Itália)

La Traversée, de Romain Goupil (França)

Les Âmes Mortes (Dead Souls), de Wang Bing (China)

O Grande Circo Místico, de Cacá Diegues (Brasil | H2O Films)

Pope Francis: A Man of His Word, de Wim Wenders (EUA | Focus Features)

The State Against Mandela and the Others, de Nicolas Champeaux e Gilles Porte (França)

 

SEMANA DA CRÍTICA

Sessões Especiais

Filme de abertura: Wildlife, de Paul Dano (EUA | IFC Films)

Nos Batailles, de Guillaume Senez (Bélgica / França)

Shéhérazade, de Jean-Bernard Marlin (França)

Filme de encerramento: Guy, de Alex Lutz (França)

Competição

Chris The Swiss, de Anja Kofmel (Suíça)

Diamantino, de Gabriel Abrantes e Daniel Schmidt (Portugal / Brasil / França | BR: Vitrine Filmes)

Egy Nap, de Zsófia Szilágyi (Hungria)

Fuga, de Agnieszka Smoczynska (Polônia / República Tcheca / Suécia)

Kona Fer I Stríð, de Benedikt Erlingsson (França / Islândia / Ucrânia)

Sauvage, de Camille Vidal-Naquet (França)

Sir, de Rohena Gera (Índia / França | BR: Imovision)

 

SESSÃO DA MEIA-NOITE (MIDNIGHT)

Arctic, de Joe Penna (Islândia)

Gongjak (The Spy Gone North), de Yoon Jong-Bing (Coreia do Sul)

Bilheteria

  • Como esperado, o thriller Um Lugar Silencioso (2018) teve uma boa estreia no Brasil também no seu primeiro final de semana (5 a 8/04), levando mais de 350 mil pessoas aos cinemas e arrecadando R$ 5,9 milhões, mas não foi suficiente para tirar a cinebiografia de Edir Macedo, Nada a Perder (2018), do topo da bilheteria brasileira, onde permanece igualmente neste final de semana (12 a 15/04), mesmo com o lançamento de Rampage – Destruição Total (2018). O ranking e os números detalhados do Top 10 Brasil está disponível na página do Cine Resumão.

  • Nos Estados Unidos, porém, Rampage pegou a liderança da bilheteria, US$ 34,5 milhões, ultrapassando Um Lugar Silencioso, que ainda sim, conquistou US$ 32,6 milhões neste final de semana e um total de US$ 99,6 milhões que em muito superam o orçamento de US$ 17 milhões. Na sequência, vem outro terror Verdade ou Desafio (2018), ainda de menor orçamento, US$ 3,5 milhões, torna lucrativo seus US$ 19 milhões obtidos nesta estreia. Em quarto, está o Jogador Nº 1 (2018) com US$ 11,2 milhões e um total de US$ 114,6 milhões; e a comédia Não Vai Dar (2018) fechando o Top 5 USA com quase US$ 10,3 milhões, somando US$ 36,9 milhões.

Em Exibição

  • Na próxima quarta (18), serão lançados em DVD os filmes Fala Sério, Mãe! (2017), Correndo Atrás de um Pai (2017) e Os Parças (2017) para locação; e Polícia Federal – A Lei é para Todos (2017) e Perfil para Dois (2017) para venda. Enquanto isso no streaming, chegam três filmes inéditos dinamarqueses: o representante do país na corrida do último Oscar, Você Desapareceu (2017), e a comédia Plano Quase Perfeito (2017) já estão disponíveis nas plataformas digitais Itunes, Now, Google e Youtube, desde a última quinta (12); e o thriller Guerreiro da Escuridão (2017) desembarca em 26 de abril.

Making Of

  • O cantor Joe Jonas e a modelo Chrissy Teigen emprestam suas vozes na animação Hotel Transilvânia 3: Férias Monstruosas (2018), dublando originalmente o polvo gigante Kraken e a Mulher Invisível.

  • Foi divulgada a primeira foto oficial do elenco de A Garota na Teia de Aranha (2018), nova adaptação de um livro da série Millenium de David Lagercrantz, enquanto ainda gravam em Estocolmo, na Suécia, embora a estreia esteja prevista para o dia 8 de novembro. Na imagem, estão Stephen Merchant, o diretor Fede Álvarez, Claire Foy, Sverrir Gudnason e Lakeith Stanfield.

Em Breve

  • O NERVOS esteve presente na coletiva de imprensa da Sessão Vitrine Petrobras que fez um balanço dos resultados de 2017, como a percepção com os bons resultados de alguns títulos como Divinas Divas (2017) de que era melhor lançar um filme por mês, e anunciou os lançamentos deste ano do projeto, que tem seus primórdios lá em 2011/2012 e ainda com sessões populares no valor de R$ 12,00 (inteira), agora presente em 24 cidades – com destaque da curadora Talita Arruda para novas praças como Manaus e novas salas como o PlayArte Marabá, além das estratégias personalizadas de distribuição e divulgação para cada produção. O cronograma de estreias, que já começou com Severina (2017), de Felipe Hirsch, na última quinta (12) como o filme de abril, segue com o documentário Todos os Paulos do Mundo (2017), de Gustavo Ribeiro e Rodrigo de Oliveira, em 10 de maio; o documentário híbrido de Juliana Antunes, Baronesa (2017), premiado no Festival de Tiradentes do ano passado, será o lançamento de junho; outro filme que navega entre as esferas documental e ficcional de Adirley Queirós, Era Uma Vez Brasília (2017), é o escolhido de julho; em agosto, a vez é de Unicórnio (2017), ficção de Eduardo Nunes; para as eleições em setembro, vem o documentário Camocim (2017), de Quentin Delaroche; e, pulando para novembro, estreia Tinta Bruta (2018), nova ficção da dupla Márcio Reolon e Filipe Matzembacher que foi premiada no último Festival de Berlim. Mais produções devem ser anunciadas para os meses que faltam até janeiro de 2019.

 

  • Dakota Fanning vive uma jovem com autismo que é apaixonada por Star Trek no drama Tudo Que Quero (2017), que estreia em 26 de abril. A PlayArte informou uma nova data de estreia da animação A Abelhinha Maya – O Filme (2014), que será lançado suas semanas depois, em 17 de maio. Quanto ao cinema nacional, a versão brasileira com Leandro Hassum e Jarbas Homem de Mello, gravada em Hollywood, de Não Se Aceitam Devoluções (2018) será lançada em 31 de maio. No mês seguinte, é a vez de chegar aos cinema o novo longa de François Ozon, O Amante Duplo (2017), em 21 de junho.

  • O Cinemark também exibirá o espetáculo musical Ayrton Senna – O Musical (2018) – ver outros cinemas que também o levará às telas no Cine Resumão #19 – no dia 1º de maio. Para conferir os cinemas participantes e garantir os ingressos em pré-venda é só entrar no site www.cinemark.com.br/filme/cine-experience-ayrton-senna-o-musical.

     

Compartilhar
Tweetar
Please reload

 Textos relacionados: 
Please reload

 últimas: 
Please reload

 siga o NERVOS: 
 @nervossite 
  • Twitter - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Pinterest - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
  • SoundCloud - Black Circle
  • Deezer - Black Circle
  • Spotify - Black Circle
  • Branco RSS Icon
  • Twitter B&W
  • Facebook B&W
  • Instagram B&W